Tive contato com uma pessoa com COVID-19, e agora?

Tive contato com uma pessoa com covid, e agora?

 

Se você teve contato com alguém com COVID, deve se atentar a todos os sinais e se manter em isolamento social durante o período de incubação, que no caso da COVID-19 é de 2 a 14 dias. 

Durante esse período, se mantenha em um quarto isolado, de preferência com um banheiro que só você utilize e mantenha todas as medidas de higiene. Se precisar circular em casa, utilize máscaras de proteção.

A pandemia do Coronavírus vem fazendo inúmeras vítimas no Brasil e no mundo. Com o avanço da doença e algumas medidas preventivas sendo afrouxadas, devemos nos manter ainda mais atentos no que se diz respeito ao distanciamento social e aos cuidados pessoais que todos precisam ter. 

O que fazer se tive contato com alguém com COVID-19?

A principal forma de transmissão do Coronavírus é via contato direto, de pessoa para pessoa, através de gotículas salivares e respiratórias. 

Se você teve contato com alguém contaminado, estiver com suspeita da doença ou com sintomas compatíveis com a COVID-19, tais como febre ou sensação de febre, dor de cabeça, dores no corpo, tosse, dor de garganta, coriza, com ou sem falta de ar, evite contato físico com outras pessoas, principalmente idosos e portadores de doenças crônicas. 

É importante relembrar que o tempo de incubação da doença é de 14 dias, ou seja, o paciente pode apresentar sintomas até 14 dias depois de ter sido contaminado

Como saber se peguei COVID-19?

A única forma de saber o diagnóstico da doença, é realizando o teste de COVID-19. Atualmente, existem vários testes disponíveis capazes de diagnosticar a doença ativa no organismo, como o RT-PCR de nasofaringe, RT-PCR salivar e o de antígeno. O teste pode ser realizado após 5-7 dias do contato, quando ele já pode ser positivo mesmo em pacientes assintomáticos.

Entretanto, se ele for negativo neste momento, lembrar que o período de incubação pode levar até 14 dias, portanto ele não elimina a possibilidade de que a pessoa tenha sido contaminada.

Há outros testes recomendados para aqueles que desejam saber se já tiveram contato com o vírus anteriormente (há mais de 3 semanas), que são o de anticorpostotais, ou sorologia IgG.

Pacientes assintomáticos transmitem o Coronavírus também?

Sim, pacientes assintomáticos podem ter um papel relevante na transmissão do Coronavírus. Esse é um dos motivos que dificultam o controle de uma doença viral. 

A literatura tem demonstrado que um percentual pequeno de casos é verdadeiramente assintomático. A grande questão que indivíduos pré-sintomáticos (ou seja, 1-2 dias antes dos sintomas) apresentam grande capacidade de transmissão da doença, portanto as medidas de prevenção são essenciais para diminuir os riscos de contágio. 

Andrew Azman, epidemiologista de doenças infecciosas do Johns Escola Hopkins Bloomberg de Saúde Pública em Baltimore, Maryland, explica que embora haja um risco menor de transmissão de pessoas assintomáticas, elas ainda podem representar um risco significativo para a saúde pública, pois têm maior probabilidade de estarem na comunidade do que isoladas em casa. 

Por quanto tempo a pessoa transmite COVID-19?

O infectologista Vicente Soriano, professor da Universidade Internacional de La Rioja, na Espanha, e ex-conselheiro da OMS (Organização Mundial de Saúde), explica que para a maioria das pessoas, é possível transmitir o vírus a outras pessoas durante o período de 7 a 10 dias a partir do surgimento dos sintomas. Ele também diz que quando os sintomas melhoram ou desaparecem, a possibilidade de infectar outras pessoas também é menor.

Entretanto, estudos mais recentes demonstram que este período é muito variável de indivíduo para indivíduo e que mesmo em casos leves, pode chegar a pouco mais de 10 dias. Para pacientes com deficiência de imunidade (por doença ou tratamentos médicos), o período tende a ser bem maior, assim como para pacientes que evoluíram com a forma grave da doença.

Em casos assintomáticos, o tempo de transmissão é o mesmo, e como estão assintomáticos, utiliza-se a data da coleta do exame para contar como primeiro dia.

Quanto tempo demora para aparecer os sintomas da COVID-19?

O período de incubação do SARS-COV-2 é de 2 a 14 dias, ou seja, esse é o tempo que os sintomas podem levar para aparecer a partir do momento do contágio. Na maioria das pessoas, os sintomas começam em torno do quinto dia.

Quem teve contato com uma pessoa com Coronavírus, porém com máscara, pode ter pego a doença?

Sim, é possível. Existem muitas máscaras diferentes disponíveis e de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), as máscaras devem ser utilizadas como parte de uma estratégia de prevenção, mas apenas o uso dela, sem outras medidas preventivas, não é o suficiente para proteger você e os demais de contrair a infecção. Apesar de que grande parte das máscaras não permite uma proteção completa, o fato de ela reduzir a carga viral que efetivamente entra em contato com as vias aéreas tem sido indicado como um ponto favorável por tender a resultar em infecções mais leves do que as provocadas por uma contaminação com carga viral elevada.

O ideal é que todos mantenham o distanciamento social recomendado de 1,5 metro, evitem aglomerações e ambientes sem ventilação.

Devo fazer o teste do COVID-19? Qual o melhor?

Sim, o teste de COVID-19 é a única forma de ter certeza sobre a infecção. Atualmente, o teste considerado padrão-ouro para detectar a COVID-19 é o de RT-PCR.  O exame tem como objetivo mostrar se o paciente está com infecção ativa no momento.

A tecnologia utilizada é a de biologia molecular para detectar diretamente o material genético do SARS-CoV-2 na secreção respiratória do paciente. Recomenda-se que o teste seja realizado em pacientes sintomáticos até o 12º dia de sintomas. É um teste que possui alta especificidade, e dentre os testes disponíveis, melhor sensibilidade.

Agende seu exame


 

Fonte:
Viva Bem. Coronavírus: quando uma pessoa com covid-19 deixa de ser contagiosa, com ou sem sintomas. Disponível em: https://www.uol.com.br/vivabem/noticias/bbc/2020/11/19/coronavirus-quando-uma-pessoa-com-covid-19-deixa-de-ser-contagiosa-com-ou-sem-sintomas.htm

Post Destaque
Não